Alterações climáticas: Quid Juris?

Analisando as várias teorias contratualistas, todas centradas no indivíduo e na sua relação com o outro no Estado Natureza, percebemos que, quando as partes se sentaram à mesa e assinaram o Contrato Social para o Estado Civil, se esqueceram de incluir a própria Natureza. Tal como se esqueceram de incluir tantas outras partes que, graças …

Crise climática e crise habitacional – a mesma causa, a mesma resposta

Habitação é crise. Eis o sentido comum destes tempos, pelo menos desde que os preços da habitação dispararam pelo país fora (e também em cidades de todo o mundo), ao ponto de nem as classes médias e médio-altas conseguirem pagar rendas astronómicas nos centros urbanos. Porém, a “crise” não é de ontem: o acesso a …

Para tempos novos, retomar as lutas por cumprir

A crise da COVID-19 agravou, ainda mais, os problemas no acesso à habitação dos/as estudantes, colocou novos problemas e tornou evidente que faltam políticas públicas e medidas concretas que protejam a vida de milhares de jovens. Governo e Universidades terão de dar uma resposta. Comecemos por um problema estrutural: temos, em Portugal, 2% de habitação …

A casa é de quem a habita e a cidade sustentável é de quem a germina

Fomos assolados pela pandemia e pela narrativa dicotómica de escolha entre a vida e a morte. Mas a vida não é apenas um conceito abstracto. A vida quer-se digna. A vida quer-se com direitos. A vida quer-se no presente e quer-se com esperança de futuro. Esperança que nos dê forças para defender um mundo sustentável …

Notas sobre a luta pela habitação no Porto

Há alguns anos que a “revitalização” do centro da cidade se tem vindo a fazer sentir: edifícios com fachadas remodeladas, muito típicas não do Porto – claro – mas de uma qualquer grande cidade europeia, como se a cidade lentamente se estivesse a tornar um franchising de uma agência de turismo de massas. Afinal, não …

Desenvolvimento científico: problema ou solução?

A crise climática demonstrou o seu estatuto alarmante já há alguns anos. Estamos constantemente a ser bombardeados com mais informação sobre a mesma, sobre como os danos causados podem tornar-se irreversíveis. Para enfrentarmos esta crise, a nossa ação tem de ser rápida e eficaz. Segundo a perspetiva de Hannah Arendt, poderemos constatar o que esteve …